5 dicas para empreendedores iniciantes

ArtigosEmpreendedorismo

jan 29, 2016

0




Em um primeiro momento, empreender pode parecer fácil. Ser seu próprio chefe, poder tomar decisões, escolher os funcionários, mas quando empreende-se de verdade, as coisas não funcionam bem assim. Segundo o Sebrae, a cada 100 empresas abertas no Brasil, pouco mais de 75 ultrapassam o primeiro ano. Por que isso acontece? Porque as pessoas não estão tão preparadas para o mercado como pensam. Se você é um empreendedor iniciante, não pode deixar de acompanhar nossas dicas para fortalecer de vez o seu negócio:

  1. Converse com empreendedores experientes

Esqueça o medo de alguém copiar a sua ideia e converse com empreendedores experientes. Diga o que está tentando fazer e como. Seus mentores poderão lhe dizer com segurança o que funcionará e o que não vai dar certo. Confie neles.

  1. Não tenha medo de mudar a estratégia

Até mesmo empresários experientes podem errar em alguma decisão. Quando você estabelecer uma estratégia que não está dando certo, não tenha medo de assumir o erro e de tomar uma direção diferente. Quanto antes você desistir de uma ideia que deu errado, mais tempo terá para consertar e validar seu negócio.

  1. Organize sua vida financeira

Primeiramente, separe as despesas pessoais e empresariais. Jamais, em uma hora de aperto, pegue dinheiro da empresa para pagar dívidas pessoais. Isso com certeza afundará o seu negócio. Ao invés disso, estabeleça uma retirada mensal da empresa para cobrir seus gastos pessoais, outro para despesas do negócio e se possível, um valor para investimentos. Se precisar, use softwares de gestão, que ajudarão a estipular despesas e lucros. Desta forma, sua empresa poderá crescer de forma saudável.

  1. Conheça seu cliente

Isso vai além pesquisas de mercado, público-alvo e suas preferências. Você precisa entender sua rotina, hábitos, o que funciona para eles e o que é essencial em sua vida. Desta forma, poderá personalizar os produtos e serviços. O preço também entra em xeque: saiba quanto vale seu produto para eles e estabeleça a margem de lucro com base nisso. Estude o mercado, preços pela internet e concorrência.

  1. Negocie com fornecedores e gerencie o estoque

Não tenha medo de negociar com os fornecedores, pois um bom empresário corta gastos e economiza onde pode para fazer o negócio funcionar. Se o caixa estiver indo bem, priorize contas à vista, que vão lhe render grandes descontos. Em compensação, o lucro na venda do produto será maior.

Nesta hora, é importante também saber a quantia que tem em estoque e o que vai vender de fato. O controle deve ser rigoroso para não cometer excessos ou ficar com falta de produtos, que podem espantar seus clientes.

Dica extra: Abuse das mídias sociais

Mesmo que você tenha dinheiro para investir em propagandas  em veículos de comunicação, use e abuse das redes sociais. Aproveite que tem uma gama enorme de potenciais clientes e use-as para se mostrar especialista no assunto que vende. Dê dicas, ideias e mostre que o que você oferece precisa estar na vida delas.

tag: começar a empreender, começar um negocio, dicas, empreendedores, gestao, gestao financeira, iniciantes, primeiro empreendimento,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.