Negócios bem sucedidos: confira 6 chaves para desenvolver sua empresa

Steve Jobs abandonou a faculdade para começar uma empresa de informática em sua garagem. Mark Zuckerberg lançou a primeira versão do Facebook de seu dormitório em Harvard. Enquanto o caminho na carreira de cada empreendedor de sucesso parece um pouco diferente, há sinais universais que podem ajudar a orientar todos na direção certa. O portal americano Entrepreneur fez uma lista das 6 coisas para manter em mente quando você tem um pequeno negócio, acompanhe já:

  1. O sucesso exige coragem

É preciso coragem para iniciar seu próprio negócio. Em alguns aspectos, dar partida é muitas vezes a parte mais difícil de todo o percurso. Quanto mais profundamente você acredita nesse objetivo, mais medo você está disposto a superar. Ver seu próprio negócio bem-sucedido geralmente exige um bom tempo. Com os obstáculos e contratempos inevitáveis que surgirão, fazer algo que você realmente acredita é essencial para encontrar a coragem para continuar.

  1. Ter começado é meio caminho andado

Muitas pessoas acham que não são boas o bastante para começar, até mesmo por terem muito medo de errar. Saiba que pensamentos como “Preciso coletar mais dados primeiro”, “Preciso pensar um pouco mais” ou “Vou esperar a economia do país melhorar” são alguns dos pensamentos que justificam o medo. Como resultado, muitos nunca começam. Ao justificar o medo, tais racionalizações tornar-se o calcanhar de Aquiles do empreendedor.

Claro que não se deve ser impulsivo e começar sem planejamento suficiente. Mas saiba que você sempre pode fazer mais planejamento. A arte, no entanto, é saber quando é o bastante e é hora de começar. Nenhuma fórmula pode responder isso para você, então dê o primeiro passo.

  1. Tenha um mentor e confie nele

É muito mais fácil para outra pessoa identificar o seu medo. Se você está realmente conformado com suas racionalizações, mesmo o melhor mentor não poderá ajudar. Você só vai ignorá-lo, usando suas racionalizações para provar que ele está errado.

Você precisa estar aberto a mudanças e encontrar pessoas experientes e que até mesmo pensem diferente de você. Mas, como você confiar em um mentor você discorda? Isso tem mais a ver com você, do que com o mentor. Você tem que estar disposto a questionar o seu ponto de vista e ouvir outros pontos, dando-se um tempo para refletir sobre todas as esferas em uma tentativa de descobrir o que pode estar faltando.

  1. Não exceda limites

Os Donald Trumps do mundo podem começar grande, mas de um modo geral, os indivíduos que começam empresas vem de baixo. A falta de fluxo de caixa é, provavelmente, a maior causa de falha em pequenas empresas.

Se você não tiver cuidado, alugar um espaço de escritório, a contratação de seus primeiros funcionários, comprar a tecnologia necessária e todos os outros custos de arranque podem ser o suficiente para o fim de sua empresa. Como o negócio progride, ele tende a acumular bagagem dispendiosa. Maximize suas chances de rentabilidade através de uma abordagem minimalista para despesas gerais. Corte todos os gastos que não são prioridade no momento.

  1. Escolha cuidadosamente seus parceiros e equipe

Vivemos em um tempo incrivelmente litigioso. Os conflitos podem facilmente resultar em processos judiciais que consomem uma enorme quantidade de tempo, energia e dinheiro. Quando você entra em uma parceria, você está dando esse parceiro uma grande quantidade de energia que eles poderiam, através de processos judiciais ou não, exercerem contra você se as coisas dão errado. Os efeitos podem ser devastadores.

Você precisa ter muito cuidado quando se trata de seleção de parceiros e equipe. É importante que tenham objetivos iguais e que você avalie cuidadosamente sua integridade. Caso contrário, se vêem uma oportunidade para maximizar os seus lucros à sua custa, eles podem muito bem fazer isso.




Considere também o seu temperamento. Caso contrário, quando surgem obstáculos, eles podem sucumbir ao medo ou podem atacá-lo ou prejudicar o negócio com impulsividade ou questões pessoais. Parceiros são fáceis de encontrar. No entanto, é preciso avaliar como ele vai ser quando as coisas não dão certo.

  1. Mantenha o controle

Atualmente o controle parece ter uma conotação negativa. A verdade é que muitos aspectos de controle são atributos positivos e importantes. A manutenção adequada de meios de controle ajudarão a manter-se fiel a sua visão de negócio e a honrar seus instintos sobre o que é certo para o seu negócio. Afinal, você entende do seu negócio melhor do que ninguém – provavelmente melhor do que até mesmo o melhor consultor do planeta. Não há espaço para a fé cega. Pegue as rédeas e toque seu negócio.

tag: bem-sucedido, chaves, dicas, dicas para ser bem sucedido em seus negocios, negócios, pequenas empresas, pequeno negocio, sucesso,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.