Após 35 rejeições, GM compra projeto de empreendedor por 1 bilhão de dólares

Ao acabar a faculdade de economia o norte-americano Daniel Kan viu que conseguir um emprego não era fácil.  Após enviar 37 currículos para empresas de finanças e ser recusado em 35, ele recebeu duas propostas: trabalhar em uma escola de inglês na Coréia do Sul ou em uma startup no Vale do Silício, na Califórnia.

Kan optou pela oportunidade mais próxima, na UserVoice, empresa que coleta feedbacks de atendimento. Ali ampliou sua rede de contatos e se apaixonou pelo universo tecnológico.

Logo, decidiu sair do emprego para abrir uma empresa que criava aplicativos para restaurantes, mas não durou muito tempo. Depois, criou um aplicativo para contratação de pessoas “faz-tudo”, que se destacou no ramo da limpeza. Este foi vendido por 10 milhões de dólares.

Foi então que, junto de um amigo de infância, Kylie Vogt, Kan criou a Cruise, uma linha de carros que não precisa de motoristas. A ideia consiste em transformar modelos comuns em automóveis autônomos.  Não demorou para montadoras perceberem o seu potencial e a General Motors, dona da Chevrolet, comprou a startup por US$ 1 bilhão. Para esconder o projeto, a GM apagou todas informações do projeto na internet. “Não estava esperando. Mas sei que trabalho em algo grande”, afirmou à “Entrepreneur”.  Ainda ao portal, o jovem agradeceu pelas rejeições no passado. “Obrigado a quem não me chamou. Meu futuro poderia ter sido outro se tivesse conseguido outro emprego.”

tag: carros autonomos, chevrolet, cruiser, Daniel Kan, general motors, inspiracao, sem motorista, startup de 1 bilhão de dólares,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.