Cabify, aplicativo de transporte, anuncia que deixará o Brasil em 14 de junho

Será possível fazer corridas até a data de encerramento do Cabify, mas os motoristas do aplicativo devem começar a migrar para outras plataformas.

Cabify, aplicativo de transporte, anuncia que deixará o Brasil em 14 de junho
REPRODUÇÃO

 Nesta sexta-feira (23),  o Cabify, aplicativo de transporte concorrente da Uber, anunciou em suas redes sociais que vai encerrar suas operações no Brasil a partir de 14 de junho.

O aplicativo atuava em Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Curitiba, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Santos e São Paulo.

Segundo informações do G1, os motivos da saída do Cabify são a falta de rentabilidade e grave crise sanitária no país, que dificulta a “criação de valor”.

No entanto, as operações continuam na Espanha e também em outras cidades da América Latina.

“Todas as cidades da América Latina e da Espanha onde Cabify está presente mostram bons índices de recuperação em comparação com o nível de atividade anterior à pandemia e, em média, a demanda global de viagens da Cabify se recuperou em 75% até o final de 2020”, disse a empresa

Além disso, alguns usuários receberam um e-mail com um aviso, dizendo que ainda será possível fazer corridas até a data de encerramento, no dia 14/06.

Cabify

Empresa multinacional de rede de transporte. Ela fornece carros de alto padrão para serem solicitados através de seu aplicativo para smartphone. Os carros são dirigidos pelos seus donos, que precisam passar por um rigoroso processo seletivo.

O aplicativo chegou ao Brasil em junho de 2016. Em 2017, o grupo Maxi Mobility, dona do Cabify, comprou a plataforma brasileira Easy Taxi, que dois anos depois foi incorporada ao app espanhol.

LEIA MAIS: Downloads mensais do Clubhouse despencaram 72% no mês passado

tag: aplicativo, aplicativo de transporte, Cabify,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.