Chile proíbe venda de chocolate Kinder Ovo

Artigosnotícias

jun 16, 2016

0

No fim de maio, o governo do Chile lançou uma lei de combate à obesidade no país com diversas determinações, entre elas, a proibição da venda do chocolate Kinder Ovo.

Isso aconteceu porque a lei diz que produtos que possuem “elevada quantidade de sal, açúcar ou gorduras saturadas” não poderão ser vendidos com brinquedos, pois acabam funcionando como “gancho” para crianças, estimulando a obesidade. Este é justamento o atrativo do Kinder Ovo, que vem sempre com uma surpresa dentro do chocolate.

A Ferrero, marca detentora do Kinder Ovo se disse “chocada” com a decisão e afirma que tomará medidas judiciais para reverter a probição.

Confira a nota oficial da marca sobre a proibição:

A Ferrero ficou chocada com o anúncio de um alto funcionário do Ministério da Saúde do Chile que a venda do produto “Kinder Surpresa (Kinder Ovo) ” será proibida no Chile a partir do próximo dia 26 de junho.  A razão para esta proibição é que o brinquedo contido no ovo de chocolate é um “gancho” para atrair crianças.

A respeito disso, a Empresa ressalta que, desde os primeiros momentos há 40 anos, o pequeno brinquedo do Kinder Surpresa é uma parte essencial e integral do produto, constituindo-se assim como uma só unidade.  A surpresa é a essência do ovo de chocolate e, em nenhum caso, pode ser considerado um gancho para o seu consumo.

Consequentemente, a Ferrero se reserva o direito de ativar instituições nacionais e internacionais para obter a solução jurídica para esta situação, que afeta a reputação de um de seus produtos mais populares, e da mais alta qualidade”.

O que você acha deste tipo de proibição?

tag: Chile proibe kinder ovo, kinder ovo obesidade, kinder ovo proibido, lei de combate à obesidade,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.