Drones misteriosos são vistos sobrevoando algumas regiões nos EUA

Sem categoria

jan 7, 2020

0

Moradores dos estados de Nebraska e do Colorado, nos Estados Unidos, relataram a aparição de drones sobrevoando a região.

Segundo os relatos, os aparelhos começam seus vôos por volta do fim da tarde e terminam por volta das dez da noite. Além disso, o número de drones que aparecem chega a 16, todas as noites.

E o mistério não acaba ai. Essas aparições estão acontecendo desde dezembro e ainda não se sabe porque e de quem são os aparelhos. O governo norte-americano está investigando, mas já declarou que nenhum de seus órgãos são responsáveis pelos drones.

Empresas de drones nos Estados Unidos também já declaram que não são donas das máquinas. Agora, as autoridades estão coletando todas as imagens enviadas para prosseguir com a investigação.

“Nosso escritório recebeu numerosas ligações de avistamentos de drones sobre nosso condado. Até agora, não sabemos quem é o responsável pelo voo desses drones e quem é seu proprietário. Muita gente afirma tê-los visto sobre suas propriedades. Nossos agentes também os viram. Por favor, sejam pacientes e deixem que nossos esforços de investigações encontrem uma explicação”, disse Dave Martin, xerife do condado de Morgan, no Colorado, em uma nota publicada no Facebook no último dia do ano.

Mesmo não sendo uma situação necessariamente ilegal, o fato de ninguém ter assumido a autoria a torna mais misteriosa e estranha. Por conta disso, a Administração da Aviação Federal (FAA, em inglês), propôs a identificação de drones como algo regulado e obrigatório.

Tamanhos incomuns

De acordo com os relatos, os drones possuem um tamanho maior que os modelos mais comuns. Com 1,82 de “altura”, eles costumam atingir vôos de 60 a 91 metros.

Às vezes, eles voam em velocidade acelerada, às vezes desaceleram ou, ainda, chegam a ficar imóveis no céu por alguns momentos, continuam os relatos. Quando seguidos, os drones conseguem pegar outra rota e sumir no céu, afirmam os moradores da região.

Neste momento, a principal recomendação das autoridades é que as pessoas não atirem nos equipamentos, já que isto configura crime federal e pode ocasionar incêndios por serem inflamáveis.

Por enquanto, a hipótese mais aceita – e levantada pelo jornal Colorado Springs News – é a de que isso possa ser testes exercícios de combate a drones da Força Aérea americana, onde existe uma base em Cheyene, Wyoming (perto da fronteira entre os estados de Colorado e Nebraska). O órgão não assumiu as ações, porém também não negou.

LEIA TAMBÉM:

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *