Empreendedor bilionário se torna motorista do Uber, saiba o por quê

Após vender sua plataforma online por quase 2 bilhões de dólares, o cofundador do site de viagens Kayak e professor da escola de negócios do MIT, Paul English, decidiu se tornar motorista do Uber por algumas horas diárias.

Ele concedeu entrevista ao site da revista Inc., e contou o motivo de se aventurar nesta empreitada.

Primeiramente, ele relata ter percebido que 90% das pessoas que convivia eram do setor de tecnologia e que deveria ampliar o seu círculo. Então, a bordo de seu Tesla, ele decidiu começar a trabalhar no Dia das Bruxas. “Eu saí dirigindo da meia-noite às duas horas. As pessoas acharam hilário alguém vestido como um vampiro dirigindo um Tesla”, contou.

Ele passou alguns dias da semana dirigindo por Boston e se as pessoas perguntassem o que ele fazia, ele dizia que era engenheiro, mas devolvia a pergunta para ouvir as histórias de vida das pessoas. “Eu mantinha um caderno para anotar alguns fatos sobre elas”, revelou.

Ele contou que uma jovem chinesa de 13 anos foi sua passageira mais memorável. Ela dizia estar visitando escolas em Boston para que sua entrada fosse mais fácil no MIT, local em que ele dá aulas. English acabou contando ser instrutor da escola, mas ela não acreditou. “Ela perguntou por que eu dirigia um carro se dava aulas no MIT, mas eu lhe disse que tenho muitas vidas”, detalhou ao INC.

Com a experiência, ele pode acompanhar como os profissionais são avaliados e ficou chateado por não ganhar a nota máxima de avaliações no aplicativo, obtendo 4.97, uma média excelente. “Eu apenas me pergunto: quem não me deu 5 estrelas? O que será que eu fiz de errado?”

Agora, English vai aplicar seus conhecimentos na sua startup Lola, que conectará viajantes e agentes de viagens.

tag: bilionario dirige tesla, bilionario no uber, Paul English no uber, startup Lola,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.