Empreendedores listam estratégias para começar 2020 com o pé direito

Empreendedorismo

dez 13, 2019

0

O início do ano é sempre o momento dos empreendedores avaliarem aquilo que deu certo e o que deu errado durante o ano que passou, para que possam corrigir os pontos que foram mais sensíveis. Em períodos de incertezas e recursos escassos, cometer um erro pode prejudicar ainda mais o orçamento, mas com a ajuda de soluções tecnológicas, os processos são otimizados, permitindo dar um up na carreira.

De acordo com Renato Alves, Diretor de expansão da Bicalho Consultoria Legal – empresa especializada em migração, internacionalização de negócios e franquias – a expectativa é de melhora para a economia em 2020, caso não haja nenhum contratempo externo. Para ele, pela construção do que foi 2019, pelas pautas do governo, pelo nível de juros ser o menor da história e pela segurança jurídica ter apresentado uma pequena recuperação, os próximos 366 dias poderão ser prósperos para aqueles que já têm o próprio negócio ou que vão começar a investir em algo agora.

“Para quem está enxergando no empreendedorismo uma oportunidade de trabalho para o ano que vem, é importante dizer que a estrada é árdua e os detalhes fazem a diferença para que contratempos não transformem sonhos em pesadelos. É fundamental se planejar, saber para qual direção o mercado está indo e o que os seus concorrentes estão fazendo para não se perder no meio do caminho. Além disso, conhecer a fundo seus deveres e obrigações, bem como será o seu papel dentro da empresa, é o primeiro passo para o sucesso”, diz.

Para que você possa aproveitar os últimos dias de 2019 para refletir, tranquilizar as suas expectativas, buscar o equilíbrio financeiro e se preparar para alçar voo, empreendedores listaram algumas estratégias indispensáveis para alcançar seus objetivos e contaram algumas tendências para o mercado brasileiro. Confira:

Foque nas coisas que você pode mudar!

Para Rafael Dal Molin, diretor da Elevor – startup gaúcha que desenvolve
software de gestão empresarial – uma empresa vive de momentos de alta e de baixa, tanto de situações externas ao domínio da companhia, como o mercado ou o clima, quanto às questões internas, como organização de processos, lançamento de produtos ou capacitação pessoal. Para ele, os empreendedores precisam se preocupar apenas com as coisas que eles podem mudar, olhando sempre para dentro da sua instituição.

“Muitos empresários usam de desculpa a situação do mercado para justificar o não crescimento da marca, por exemplo, enquanto na maioria das vezes as mudanças estão no domínio da empresa. Ter o time em sintonia e os processos e estratégias alinhados é interessante para se preparar para aproveitar as oportunidades que virão na sequência. Se existe uma possibilidade de construção para um país melhor, essa responsabilidade está nas mãos das nossas empresas, que de fato podem fazer a diferença”, explica.

IoT é tendência para 2020

Joaquim Venancio, CEO e fundador da Noknox , startup criada em 2018 com o objetivo de conectar pessoas aos seus locais de convivência unindo praticidade segurança e conforto, enxerga o IoT como uma ótima oportunidade de negócio. “Estamos falando de uma tecnologia de um potencial absurdo. Ela pode ser usada para resolver muitas dores do dia a dia do consumidor, das mais diversas formas. Estima-se que a internet das coisas vai movimentar mais de 350 bilhões de dólares nos próximos anos. Quem investir nesse tipo de iniciativa em seu negócio, terá boas chances de alcançar o sucesso! “, alerta Venancio.

Entenda que seus parceiros são tão relevantes quanto seus clientes

Para Marco Zolet, CEO do Supermercado Now , maior plataforma de supermercado online, um dos pontos mais importantes para ter sucesso empreendendo é entender que o seu stakeholder precisa de tanta atenção quanto o seu cliente. “Muitos empreendedores se preocupam com o relacionamento com o consumidor, mas esquecem de cuidar da relação com o seu fornecedor. Por isso, é essencial mostrar interesse pelo mercado do seu parceiro, entender e estudar seus problemas e aproximá-lo do seu negócio. Fidelizá-lo é quase tão importante quanto fidelizar o cliente, para que não ocorra fricção em nenhuma frente”, alerta Zolet

 Reavalie os pontos-chaves do seu empreendimento

Para Arthur Braga Nascimento, CEO da Bonuz , escritório de advocacia voltado para startups e empresas em fase inicial, antes de pensar em tendências e apostas para o mercado brasileiro, é preciso reavaliar os três pontos mais relevantes de seu empreendimento, para começar o ano de 2020 com o pé direito. “Considerar a tecnologia e inovação implantadas, o público-alvo e o mercado em que pretende atingir é uma avaliação de extrema importância para que um empreendedor se programe de forma estratégica para o ano e tenha sucesso, evitando repetir os mesmos erros do ano anterior”, diz.

Pagamentos instantâneos serão realidade em 2020

De acordo com Ralf Germer, CEO e cofundador da PagBrasil , fintech brasileira líder no processamento de pagamentos para e-commerces ao redor do mundo, o novo modelo de pagamentos que está sendo desenvolvido pelo Banco Central tem tudo para revolucionar a forma como lojistas e consumidores lidam com o dinheiro e transferências bancárias em todo país.

Uma das grandes vantagens da iniciativa, é permitir que transações financeiras sejam efetuadas imediatamente, sem restrições de datas ou
horários. “Para os próximos anos, precisamos ficar atentos aos pagamentos
instantâneos, pois acredito que eles devem mudar, e muito, as operações financeiras no Brasil. Além de reduzir ou até mesmo acabar com as altas taxas de transferências, eliminar o preenchimento de dados cadastrais e realizar pagamentos por meio de QR Code, essa nova tendência visa
proporcionar uma experiência de pagamento mais ágil e menos custosa, abrindo oportunidade para todos os tipos de negócios. Com toda essa transformação, teremos transações mais rápidas e seguras, realizadas de qualquer lugar e que atendem a uma grande parcela da população que não possui acesso aos serviços tradicionais de pagamentos”, afirma.

Encontre o propósito do seu empreendimento

Para José Pedro Mello, CEO da AtletasNow , startup com a missão de conectar todas as pontas do esporte, um dos segredos para ter sucesso com o seu empreendimento é avaliar o propósito da sua startup. “É preciso ter foco e saber o motivo do que se está fazendo. Um empreendedor com propósito consegue quebrar barreiras e mudar o status quo das coisas. No ecossistema das startups e de inovação, essa é a base de tudo e o maior
diferencial”, alerta Mello.

Refletir para otimizar seu negócio

Segundo Victor Santos, sócio fundador da Liv Up , startup de alimentação
saudável, o período do final do ano é propenso para refletir sobre o trabalho que foi feito e as soluções que foram oferecidas ao longo do ano. “Colocamos bastante energia em dezembro na reflexão de como trabalhamos nesse ano e como devemos trabalhar e nos organizar
no ano que vem. Conforme nossos objetivos e desafios mudam é importante a gente refletir isso nas ferramentas e na forma que trabalhamos”, explica Santos.

Cuidado com a saúde mental

Para Milene Rosenthal, co-fundadora da Telavita , plataforma de consultas
online que conecta pacientes a psicólogos de todo o país é preciso cuidar da saúde mental do empreendedor e dos funcionários. Em 2019, a Síndrome de Burnout atingiu quase 72% das pessoas com estresse no trabalho segundo a Associação Internacional de Manejo do Estresse (ISMA). “Para 2020 as empresas precisam olhar cada vez mais para a saúde mental dos funcionários, utilizando meios alternativos como a terapia online para a prevenção de afastamento no trabalho.”

Invista em incentivo

Para Rodolfo Carvalho, CEO da Incentivar , primeiro software de marketing de incentivo do país, a principal estratégia para se ter sucesso em 2020 é
buscar melhorias e evoluções em pessoas, produto, e rentabilidade, nessa ordem. “É preciso investir cada vez mais no desenvolvimento da cultura
exponencial, na capacitação da equipe e entendimento de perfis. Além disso, as evoluções do produto sustentadas por mais dados e análises, e por último, procurar sempre trabalhar com mais eficácia, produtividade e assertividade para atingir as margens que o negócio precisa”, explica Carvalho.

LEIA TAMBÉM:

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *