Pesquisa em Harvard mostra que não são os filhos que atrapalham carreira, mas sim maridos

Em um estudo realizado com 25 mil mulheres e homens, a Harvard Business School, nos Estados Unidos, mostrou que o que atrapalha as mulheres no trabalho não são afazeres domésticos, nem filhos, mas sim os maridos. Segundo o estudo, estes são os responsáveis por frear o crescimento profissional das esposas.

Para concluir a pesquisa foram entrevistadas ex-alunos da instituição, com idades entre 26 e 47 anos. Nas respostas, 60% dos homens se diziam “extremamente satisfeitos” com suas experiências profissionais. Já as mulheres caíram para 40%. Dos homens participantes, 83% eram casados.

Para Harvard, a diferença acontece porque, tanto para homens, quanto mulheres, a carreira dos maridos tende a ser mais importante e com maior status na relação. 70% deles consideravam que suas carreiras teriam prioridade sobre a delas e 75% esperavam que as mulheres assumissem a maior demanda da casa conforme progridem em sua carreira.

E 40% das mulheres se mostrou conformada com isso, esperando que a carreira dos maridos prevalecesse. Concluiu-se que quem freia a carreira feminina muitas vezes são os maridos.

E você, concorda!

 

tag: Alexandra Balestero, carreira, empoderamento feminino, estados unidos, mulheres no empreendedorismo, pesquisa, universidade de harvard,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.