Quase um quinto dos funcionários do Facebook está desenvolvendo tecnologias de Realidade Virtual e AR

Segundo o The Information a área do Facebook responsável pelo desenvolvimento de dispositivos de realidade aumentada e virtual tem atualmente cerca de 10.000 funcionários.

Quase um quinto dos funcionários do Facebook está desenvolvendo tecnologias de Realidade Virtual e AR
Imagem Reprodução

Esta semana, em uma entrevista ao The Information, Mark Zuckerberg contou sobre as ambições na área da Realidade Virtual e da Realidade Aumentada.

Segundo o The Information a área do Facebook responsável pelo desenvolvimento de dispositivos de realidade aumentada e virtual tem atualmente cerca de 10.000 funcionários. Portanto, este departamento, chamado Reality Labs, responde por quase um quinto da equipe global do Facebook.

“Acho que realmente faz sentido para nós investir profundamente para ajudar a moldar o que eu acho que vai ser a próxima grande plataforma de computação, esta combinação de realidade aumentada e virtual, para ter certeza de que se desenvolve desta forma que é fundamentalmente sobre as pessoas estarem presentes umas com as outras e se unirem.”

CEO Mark Zuckerberg ao The Information.

Nos últimos anos, o Facebook desenvolveu uma estratégia agressiva para construir seu próprio hardware de consumidor para reduzir sua dependência da Apple e do Google, os dois principais fabricantes de sistemas operacionais móveis.

Realidade Virtual e Facebook

Em 2014, a Facebook gastou US$ 2 bilhões na aquisição da Oculus VR, empresa que está criando o Oculus Rift e deu início a nova onda de dispositivos de realidade virtual.

De acordo com os dados do UploadVR, em 2017, a Oculus VR tinha mais de 1.000 funcionários, enquanto o número total de funcionários do Facebook era de 18.770. Desse modo, a proporção de funcionários era superior a 5%.

Assim, o Facebook fortaleceu significativamente seu trabalho em tecnologias de realidade virtual e aumentada.

Desde então, o Facebook mudou seu foco do fone de ouvido, que eram estilo Oculus Rift conectados ao computador, para os modelos independentes sem fio Oculus Quest e Quest 2.

As vendas desses dispositivos sem fio estão apresentando resultados surpreendentes. Já que, os pedidos do fone de ouvido de realidade virtual Quest 2 de US$ 99 são cinco vezes maiores do que seu antecessor. Dessa forma, se tornando o dispositivo de venda mais rápida neste campo.

Além disso, os desenvolvedores também descobriram que as vendas de seus jogos aumentaram.

LEIA TAMBÉM: Banco Inter cria parceria com Delivery Center para entrega de refeições

 

tag: FACEBOOK, inovação e tecnologia, inovação tecnologica, oculos, oculos de realidade virtual, oculos realidade virtual, realidade aumentada, realidade virtual, tecnologia,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.