QuintoAndar capta US$ 300 milhões e passa a valer US$ 4 bilhões

QuintoAndar, startup líder no mercado de arrendamento e venda de imóveis, acaba de fechar uma rodada de captação de U$ 300 milhões

QuintoAndar capta US$ 300 milhões e passa a valer US$ 4 bilhões
QuintoAndar capta US$ 300 milhões e passa a valer US$ 4 bilhões

QuintoAndar acaba de fechar uma rodada de captação de 300 milhões de dólares, a quinta de sua história.

A operação multiplicou por quatro a valorização da proptech porque a startup especializada no mercado imobiliário é chamada de US $ 4 bilhões, o que é pouco mais de 21 bilhões de reais pelo câmbio atual.

A empresa é startup líder no mercado de arrendamento e venda de imóveis residenciais usados ​​do país com sua plataforma digital.

“A rodada sinaliza o reconhecimento da credibilidade que construímos, cumprindo com o que dissemos que iríamos fazer. E representa ao mesmo tempo uma expectativa grande sobre o futuro. Investidores que estão entrando agora [caso da Ribbit] certamente têm uma expectativa de que o negócio seja multiplicado nos próximos cinco a dez anos.”

disse Gabriel Braga, cofundador e CEO do QuintoAndar, à EXAME Invest.

Com novos aportes, a QuintoAndar, com capital privado e a mexicana Kavak (no ramo de carros usados), tornou-se a segunda startup mais valiosa da América Latina como capital privado, perdendo apenas para a Nubank, que vale US $ 25 bilhões. Logo depois disso, o colombiano Lapi apareceu com uma avaliação de US $ 3,5 bilhões.

A rodada de financiamento E foi liderada pela Ribbit Capital, uma das principais empresas de capital de risco com foco no setor financeiro. O portfólio inclui algumas das maiores empresas de tecnologia financeira do mundo, como Nubank, Robinhood e Revolut.

Também participou da rodada SoftBank (e seus fundos latino-americanos), LTS, Maverick, Alta Park, Dragoneer, Qualcomm, Kaszek Ventures e um gerente especializado em ativos alternativos. O outro cofundador é André Penha, que atua como diretor de tecnologia.

Como os novos recursos serão utilizados?

Em suma, os novos recursos serão aplicados em três áreas de negócio. A empresa quer principalmente investir na expansão do negócio de leasing imobiliário fundido (que é o principal negócio da empresa startup).

Além disso, a QuintoAndar pretende também acelerar o crescimento das transações de compra e venda lançadas a um ano atrás. Por fim, a startup visa desenvolver a expansão internacional, começando pelo México.

O empresário disse que embora o número de startups oito anos após seu estabelecimento seja chocante, “há muito trabalho a ser feito”. No mercado de arrendamento mercantil, administra mais de 50 bilhões de reais em ativos, envolvendo mais de 100.000 contratos em vigor. Fechou mais de 10.000 novos contratos todos os meses.

No mercado de comércio de segunda mão, o volume de transações anualizado derivado dos dados mais recentes excede 8.000 propriedades acordadas, e a taxa de expansão trimestral aumentou de 50% para 100%.

*Com informações da EXAME

LEIA MAIS: Disneyland Resort será reaberto para não residentes na Califórnia a partir de 15 de junho

tag: imóveis, quintoandar, STARTUP, startup de venda e compra de imóveis, STARTUPS, venda de imóveis,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.