Uber e Hyundai fecham parceria para lançar veículo aéreo

O modelo será fabricado pela Hyundai e o sistema pela Uber

A multinacional norte-americana Uber está mesmo querendo transportar passageiros pelos ares. Na última segunda-feira (6), durante a Consumer Electronics Show (CES) 2020, a empresa apresentou o “Uber Elevate”.

O projeto é um modelo de “carro voador” que poderá transportar até quatro passageiros (e espaço para uma mala pessoal ou mochila por pessoa). Além disso, ele terá uma velocidade de navegação de até 180 milhas/h, até 290km/h, altitude de navegação de 1.000-2.000 pés (300 a 600 metros) acima do solo e velocidade de até 100 km.

Outra característica da aeronave é seu sistema totalmente elétrico, que leva de 5 a 7 minutos para recarregar. Inicialmente, haverá mãos humanas pilotando, mas a pretensão é a de que, com o tempo, o veículo se torne completamente autônomo.

A responsável pela fabricação do veículo é a Hyundai Motor Company, que se inspirou em projetos da NASA para desenvolver o AS-1. “Acreditamos que a Hyundai tem o potencial de construir veículos Uber Air a taxas nunca vistas na indústria aeroespacial atual, produzindo aeronaves confiáveis e de alta qualidade em grandes volumes para reduzir os custos de usuários por viagem”, ressaltou Eric Allison, líder do Uber Elevate.

As empresas deixarão as tecnologias e o modelo aberto para que outras empresas de transporte também possam usufruir e implantar o novo veículo.

A montadora ficará responsável por toda a parte de fabricação; a Uber, por sua vez, será responsável pelo espaço, plataforma, interface e sistema para o passageiro.

Uma das primeiras cidades já anunciada pela empresa de transportes para receber os veículos aéreos será São Paulo. A previsão é de que esses veículos estejam operando em 2023.

LEIA TAMBÉM:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *