Vender On-line em tempos de crise

É fato, o Brasil esta vivenciando 2 crises: Política e Econômica,  o que acaba influenciando diretamente os resultados em vendas de micro e pequenas empresas.

O primeiro ponto que é importante destacar, por maior que sejam as dificuldades vivenciadas por sua empresa, é necessário manter pensamento positivo e muita calma para poder observar novas oportunidades, especialmente no que se refere a internet.

Confira alguns casos abaixo que com baixo investimento e pequenas iniciativas, micro e pequenos empresários conseguiram reverter os resultados do negativo para o positivo:

Em uma situação recente, um amigo que atua na área de restaurante em uma cidade de 45.000 habitantes tinha sentido os efeitos da crise, onde perdeu parte do movimento diário das refeições, conversou com alguns concorrentes que também informaram estar sentido a queda de clientes.  Sugeri ao amigo que iniciasse uma pequena campanha no facebook, onde ele criaria alguns banners de propaganda falando a respeito dos pratos que estaria servindo no dia, iria impulsionar os posts na rede social diariamente por R$ 10,00 somente para a cidade dele no horário das 10:30h até 12:30, ele atua das 11:30h até ás 14:30h.

Com esta ação, já no segundo dia começou a perceber uma leve diferença no número de pessoas (foi criado uma pesquisa com 2 perguntas no caixa), 01 semana depois o resultado já estava firmando dentre de uma média similar ao que ele tinha antes da crise. Ele inciou no final de dezembro os impulsionamentos, atualmente ele investe R$ 20,00 diário.

Em outro setor, um cliente que atua no segmento de vestuário, neste caso a cidade dele tem aprox. 120.000 habitantes, também precisava recuperar vendas perdidas. Aqui o interessante foi que, ele tinha ciência que não tem estrutura para criar uma loja virtual e vender on-line,  mas isso não quer dizer que não poderia ampliar a exposição de seus produtos nas redes sociais com objetivo de trazer clientes a loja. Ele entrou no site dos fabricantes de roupas, (pediu autorização para utilizar o conteúdo) e começou a criar posts com os produtos alternados com dicas de modas, dicas de assessórios, textos com 03 a 04 linhas. Impulsionou posts inicialmente com R$ 15,00 diários, direcionando para o público dele e neste caso, incluiu 04 cidades da região dele que ficavam a menos de 50Km. Especialmente nestas cidades menores, ele começou a perceber um aumento significativo de compradores, atualmente os anúncios que ele fez é somente direcionado para estas cidades…

Uma terceira situação, foi um cliente que tinha algo nas mãos e não sabia o potencial. Em seu sistema de vendas continha o número de celulares de seus clientes, quando ele comentou a respeito eu perguntei, você já tentou vender enviando sms ou whatsapp a eles? Em uma primeira mensagem, poderia enviar um pedido de autorização, informando que se o cliente quisesse receber mensagens promocionais, bastava confirmar, mais de 70% aceitaram os envios. Ele iniciou as ações em novembro passado, atualmente 20% do faturamento vem por meio de WhatsApp.

Para concluir, percebo que muitos sites não tem divulgados em seus respectivos sites WhatsApp e Chat, para quem não sabe as 2 ferramentas são encontradas gratuitamente na internet, no caso do chat (procure pela ferramenta Zopin, gratuita para 1 usuário)  pelo fato de ter pequenos detalhes técnicos, a empresa que criou seu site poderá cobrar algo para instalar, se cobrar acima de R$ 150,00 procure outra empresa, pois acima deste valor não será justo.

Note que os 3 casos acima, por mais que tenha ocorrido investimento, podemos ver que é baixo, o ponto maior foi a iniciativa. E reforço, não se sabe quando ao certo a econômica de nosso país vai ou não melhorar, porem uma coisa é certa, jogar a toalha em nada vai adiantar, portanto, pensamento positivo sempre!

andrebianchi

André Bianchi
Empresário, Mentor e Investidor. Liderou 05 atividades no Vale do Silício – USA.
Fundador do Grupo GV8 Sites e Sistemas no ano de 2006, com mais de 3.500 clientes

Sócio e Conselheiro Grupo GV8 Criação de Sites e Lojas Virtuais (Desde 2006) (www.gv8.com.br)
Presidente ABRADi-ISP (2013-2015),
Diretor Comitê Empreendedorismo ABRADi Nacional ( 2015-2016)
Investidor: IEV Digital, Terere House, Fraternal Shop, PPt Slides e Certificadora Digital Gigatron Bauru
Membro Banca de Investidores Acelera Startup – FIESP ( 4ª e 5ª Edição)


tag: crise, dicas aumentar vendas, vender mais, vender pela internet,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.