YouTube ganha opção de ‘gorjeta’ para remunerar criadores

A nova ferramenta do YouTube, ‘Super Thanks’, permite que usuários enviem dinheiro ao canal em troca de ter seu comentário fixado.

YouTube ganha opção de 'gorjeta' para remunerar criadores
(Imagem/Reprodução)

O YouTube anunciou  na última terça-feira (20) uma opção de “gorjeta” que permite aos usuários enviar dinheiro aos criadores de conteúdo.

Esse recurso é chamado de “Valeu Demais” (ou “Super Thanks”) e permite que os usuários enviem R$ 2, R$ 5, R$ 10 ou R$ 50 para um canal por meio do botão ao lado de “Curtir”.

Em troca, o telespectador que enviou o valor fica com o comentário destacado no vídeo. O valor é descontado do cartão de crédito cadastrado na plataforma Google.

Essa opção já está na plataforma e agora estará disponível em 68 países, incluindo o Brasil.

No entanto, ainda está em fase “beta”, mas o YouTube disse que vai disponibilizá-lo a todos os criadores qualificados em seu programa de parceria.

O YouTube afirmou que ficaria com uma parte do dinheiro, mas “a maior parte era do criador”, sem especificar o percentual. Outros planos YouTube visam diversificar as fontes de receita do canal

No momento, você pode cobrar pelo conteúdo exclusivo através do “Clube do Canal”, e obter outras “gorjetas” no “Super Chat” para destacar os comentários ao vivo.

Outras plataformas também estão investindo em dinâmicas que oferecem opções para recompensar os criadores com conteúdo. Por exemplo, em maio do ano passado, o Twitter adicionou um recurso de “lembrete”.

Sites como OnlyFans e Patreon se tornaram cada vez mais populares durante a pandemia, permitindo que os criadores de conteúdo cobrassem por conteúdo exclusivo. 

LEIA TAMBÉM: Grupo Educacional Jiox aproveita alta na procura por cursos de pós-graduação e traz nova proposta de ensino

tag: criadores de, gorjeta, remuneração youtube, twitter, youtube,

avatar

Marcus Bernardes Fundador

A Magia do Mundo dos Negócios – 2013

ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *